Atualidades‎ > ‎

Horizon

Horizon: conceito híbrido de trem e avião pode ser o futuro do transporte

Sistema de vagões capturados por aeronave seria luxuoso e eficiente.

O transporte em todas as metrópoles do mundo é um assunto complicado: muito dinheiro é gasto nessa área, mas trens, ônibus e aviões parecem cada vez mais caros e lotados. Porém, uma equipe do Glasgow School of Art criou um conceito que, se fosse aplicado na realidade, poderia causar uma revolução.

Trata-se do Horizon, um sistema de vagões de alta velocidade que não se contentam em andar pela terra firme: em certo momento do percurso, eles viram parte de uma aeronave, ideal para trajetos longos.

Include gadget (iframe)


O futuro está no horizonte

Na entrada da estação, o passageiro atravessa um scanner parecido com os de aeroportos, para detectar possíveis ameaças. No andar de cima, há um lounge com uma lanchonete e um shopping que funciona com mostra de itens via realidade aumentada.

Ao menos em teoria, o vagão chega no horário para abrigar os passageiros, que têm lugar marcado. O transporte usa a tecnologia  maglev para andar, possui janelas de vidro em 360° e totalmente transparentes, para que você aproveite a vista.

Mas o mais incrível acontece depois que o trem atinge certa velocidade: uma aeronave surge acima do veículo, “captura” os vagões que farão parte da viagem e deposita na rodovia outros que seguem para a estação. A viagem segue normalmente, com o mesmo luxo de um shopping e uma rapidez incrível, mas agora pelo ar.